Utilizadores vão poder usar as redes sociais da Meta individualmente sem partilha de dados entre contas

A Meta antecipou-se às novas leis DMA da União Europeia e vai permitir aos utilizadores que desassociem a sua conta do Instagram do Facebook e Messenger.

Assim, vai poder utilizar cada aplicação isoladamente sem partilhar informações com as restantes redes da empresa.

A Meta pretende cumprir as novas regras do Regulamento dos Mercados Digitais (DMA na sigla em inglês) e anunciou algumas mudanças para que os utilizadores tenham mais escolhas sobre como utilizar os seus serviços e funcionalidades a serem introduzidas nas próximas semanas. Os utilizadores que usem o Instagram, Facebook e Messenger na União Europeia, Zona Económica Europeia e Suíça vão poder desassociar as contas entre si.

Ou seja, se o utilizador desejar pode utilizar cada plataforma de forma independente sem a necessidade de partilhar informações entre as mesmas. Poderá, por exemplo, utilizar o Messenger de forma autónoma sem ter conta no Facebook. A Meta diz que durante as próximas semanas, os utilizadores vão receber notificações de informação sobre a possibilidade de escolher entre manter a partilha de informações entre os seus serviços.

Utilizadores que tenham anteriormente optado por ligar a conta do Facebook e do Instagram vão poder manter ou passar a gerir as mesmas em separado e sem cruzamento de informação. Poderá aceder ao Centro de Contas para fazer as alterações pretendidas.

A empresa detalhou os planos para cada serviço alinhados com as novas regras:

No caso do Messenger, os utilizadores ora mantêm a sua conta ligada ao Facebook como até aqui, mas se preferirem podem criar uma apenas para o serviço de mensagens. Neste caso, os utilizadores vão poder manter as conversas privadas, assim como chamadas de voz e vídeo. De notar que ao separar a conta, significa que deverá ser necessário criar uma nova lista de contactos por não aceder aos amigos do Facebook.

O Facebook Marketplace também pode ser utilizado com base na informação da rede social ou não. Caso deseje desassociar o Marketplace da informação do Facebook, os comerciantes e clientes deixam de poder comunicar através do Messenger do Facebook, passando a ser por email. Se optar por manter a ligação, a experiência será a mesma que atualmente.

Para utilizadores que jogam no Facebook Gaming também vão poder escolher entre uma experiência de partilha de informação com a rede social ou sem ligação. Quem partilhar as informações dos jogos que joga no Facebook mantém o acesso a funcionalidades como partidas multijogador, compras nos jogos e sugestões personalizadas dos títulos. Mas quem não utilizar a partilha de informação do Facebook apenas pode jogar alguns jogos a solo.

 

A Meta relembra, ainda, que relativamente aos anúncios, desde novembro de 2023 que oferece para o Instagram e Facebook a possibilidade de os utilizadores usarem gratuitamente as redes sociais com publicidade ou subscrever a mensalidade paga para deixar de ver os anúncios. A decisão já levou protestos e queixas na União Europeia sobre os preços elevados a pagar pelas mensalidades.

VERAE

Para mais informações

Contacte-nos
VERAE | 2018-2024 © All Rights Reserved       made by Verae